segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Sling – ok!

Como o Pedro ainda vai levar alguns meses para usar, resolvi testar com o Tevez, o shitzu da minha mãe.
Ele só estranhou ficar de barriga para cima, de resto, aprovou =)

Eis que chegou o nosso sling. Para quem não sabe, é um suporte feito de tecido para segurar o neném juntinho ao corpo, mas sem precisar das mãos. Eu só fui conhecer depois de grávida. A questão da mobilidade me chamou a atenção, mas estava em dúvida entre o canguru e o sling.

Pelo que consegui descobrir, inclusive em conversa com algumas mães, o canguru deixa as perninhas do bebê num ângulo que pode não favorecer o desenvolvimento. Além disso, a cabeça fica solta. No sling, é feita uma bolsa para encaixar o neném que pode ficar todo coberto ou com cabecinha para fora e reparando no movimento. Além de deixar quem o carrega com as mãos livres e braços menos cansados, a proximidade com o corpo da mãe ou de quem for contribui para odeixar o neném mais tranqüilo. Conheci uma mulher que estava carregando o filho de 6 meses, mas ainda leva a filha de 2 anos!!

O nosso modelo é uma faixa larga e compriiiiiiiiiida (estou sem fita métrica em casa) com duas argolas plásticas na ponta. O tecido é um tipo de algodão mais fino, mas lembra jeans (pensa numa pessoa que entende de costura!). Comprei da Koladinhos.

5 comentários:

  1. Gentem... Vc está grávida! Que lindo!
    Bom, pelo visto hj é um dia de descobertas a teu respeito pra mim. Afinal de contas, só hj te achei por aqui. (Não fico caçando as pessoas, sabe?!)
    Muito legal vc fazer um blog sobre tuas "descobertas gestacionais". É divertido, nostalgico (já tenho uma pequena de 4 aninhos) e, impossível deixar de lado a... deixa pra lá, não convém isso agora. rsrsrs
    Beijão e sucesso!!!

    ResponderExcluir
  2. Bru, ele deve ter uns 2 metros de comprimento. Comprei um que mede isso; tem um bolso embutido (dizem que pode ser útil pra ter à mão fraldinha de boca, chupeta - se o bebê usar) e as argolas são de nylon. Tô curiosa pra usar...

    ResponderExcluir
  3. Edi, deve ser isso mesmo. O meu não tem bolso, mas conheci uma mulher que usava um que nem o seu e disse ser super útil. As argolas do nosso são plásticas. Foi super estranho arquitetar mentalmente como "vestir" o sling, mas é bem tranquilo de usar. Claro que já ouvi comentários (a gente escuta tanta coisa, neh!) que vai doer os ombros e não sei o que. Não sei você, mas minhas costas e meus ombros sao mais fortes que meus braços =)

    ResponderExcluir
  4. Marcus Vinicius Laurani31 de outubro de 2011 15:40

    Créditos para a foto... =P

    ResponderExcluir
  5. Idem!!! Ouvi gente dizer que dói os ombros e blablabla... mas eu acho que doeria muuuuito mais carregar o bebê nos braços sem ajuda de nada. Ainda mais que com o tempo eles vão ganhando peso... Só tome cuidado com as argolas de plástico, se elas são bem fortes, pois outro dia encontrei na net (eu pesquisei taaaanto em vários lugares sobre o sling antes de comprar e decidir usar) relato de uma mãe cuja argola do sling partiu e o bebê só não caiu no chão porque a mãe foi muito ligeira.

    ResponderExcluir